Por que as dores e os desgastes ósseos que tenho são todos do lado direito do meu corpo?

Para facilitar o entendimento usarei uma metáfora: ao olhar os pneus dos carros é comum observar que um lado gasta mais que o outro, significando inadequada função devido desalinhamentos, assimetrias etc. Nessa situação o técnico solicita a “cambagem”, o alinhamento e balanceamento das rodas. Após esses pequenos e constantes reparos, o carro fica mais leve, fácil de dirigir e, também, economiza combustível. Quando na Climatérium peço uma avaliação fisioterápica completa quero avaliar as assimetrias, as posturas, a força muscular e principalmente a qualidade da proteína óssea. Eu preciso de parâmetros para orientações futuras de seu seguimento, evitando na senilidade, as posturas inadequadas, a lordose excessiva, as “corcundas das viúvas” etc. O médico que lida com osteoporose tem que começar a investigação desde a infância e iniciar o rodízio dos exercícios, com a finalidade de adequar o funcionamento das articulações e dos músculos, corrigindo seus desvios, para evitar os desgastes localizados e a osteoporose. Por isso, no climatério, a mulher precisa se exercitar de forma específica e não deve realizar exercícios em grupo. A ergonomia no trabalho e no lar deve estar presente em todos os objetos (sapatos, sutiã, calcinhas, cadeiras, mesas, saltos altos, chinelos sem salto) bem como nos móveis e utensílios diários. Pouco importa se eles são bonitos porque, antes de tudo, terão que ser funcionais e ergonômicos. A manutenção das posturas inadequadas e viciosas, em suas diferentes atividades ao longo da vida, propiciam os desvios, que na senilidade, a maioria das pessoas não consegue perceber que tudo começou devagar, desde a infância. Quando essas más atitudes já estão instaladas interferem muito no raio de ação das pacientes. Acho que o exercício lúdico é necessário, mas nessa fase precisamos aplicar sempre os conhecimentos científicos. Chega de se enganar!

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Eu participei de uma live dia 19 no canal Pai Eterno, falando um pouco sobre fases críticas na vida da mulher com alterações psicológicas e outros assuntos da saúde da mulher, veja na integra!